domingo, 28 de novembro de 2010

Ultímo Capítulo - Fanfiction Juntos Para Sempre

Era de noite, o silêncio era a única coisa que se fazia ouvir na casa da família Tsubasa. O único barulho que se ouvia era um suave ressonar.
De repente, quase como por magia começa tudo a tremer, toda a casa estremecia, o Oliver acorda sobressaltado: é um tremor de terra! – Ele acorda a Patty – Rápido temos de tirar o Daichi e a Yume lá para fora.
O Oliver e a Patty correm para o quarto do Daichi e da Yume. Eles já tinham acordado e estavam mesmo muito assustados.
Yume: Maninho, tenho medo… O que nos vai acontecê-le? - Disse a Yume com um tom de preocupação e medo na voz.
Oliver: não vai acontecer nada fofinha, vem comigo e vai correr tudo bem. – Disse o Oliver à pressa mas com um tom muito doce.
Daichi: Tem calma maninha, o mano vai tirar-nos daqui e vai correr tudo bem… não é maninho?
Oliver: Sim vai correr tudo bem, meninos – Disse
O Oliver agarra na Yume e no Daichi e tenta tira-los de dentro de casa.
Quando chegam à porta deparam-se com a porta caída, e uns pedaços de cimento bloqueando a passagem, mas havia uma pequena abertura por onde era possível passar um de cada vez.
Oliver: primeiro sais tu Patty, depois eu dou-te a Yume e o Daichi e depois saiu eu combinado?
Patty: Não Oliver não, é muito perigoso ficares aqui dentro! Não! - Disse começando a chorar
Oliver: Sossega patty, vai correr tudo bem… Prometo! – Disse ele, aproximando-se dela e dando-lhe um beijo doce e meigo na testa.
Patty: Oliver…-disse ela limpado as lágrimas e virando-se para a pequena saída que havia ao pé da porta, ela baixa-se e sai.
Oliver: Está tudo bem? Posso mandar a Yume?
Patty: Sim está. Podes mandar a Yume.
Oliver: É a tua vez fofinha – disse o Oliver pegando ao colo a sua irmãzinha.
Yume: Mas mano e tu e o Daichi? – Perguntou preocupada.
Oliver e Daichi: Nós ficamos bem, tens de ir, nós já vamos ter contigo.
A Yume sai e o Oliver repara no estado em que a casa estava, a parte de cima começava a desmoronar-se, ele começava a relembrar os bons momentos que tinha passado ali, em Nankatsu, aquela casa que estava a cair aos bocados e todos os planos da vida dele, todas as suas ambições e sonhos, tudo o que ele tinha planeado para o seu futuro estava comprometido. Tudo acabaria ali, naquele momento…
«Todas as vidas têm um fim, a minha pode terminar já aqui»
O Daichi já se tinha escapulido pela pequena abertura.
Patty: Oliver! Tens de sair dai rápido! – Disse gritando com todas as suas forças.
Oliver: Espera! Ainda tenho de salvar uma coisa!
Patty: Oliver por favor sai! A casa está quase a desmoronar-se, tens de sair dai rápido! Deixa a bola por um momento por favor… Oliver… – disse com as lágrimas nos olhos.
Oliver: Não, ela também me salvou a vida uma vez, eu tenho de a salvar…
Patty: Oliver não! Por favor não!
O Oliver sobe até ao seu quarto com muita dificuldade visualizando o estado das coisas e recordando-se mais uma vez do seu passado e das coisas que tinha passado com os seus amigos, com a Patty, do seu primeiro beijo… De repente cai-lhe um bocado de parede em cima da perna. Ele grita cheio de dores e cai no chão sem forças.
Patty: Oliver não!!! O meu Oliver não!! – gritou desesperada.
Oliver: tenho… de… conseguir… chegar… ao… quarto… - disse ele levantando-se a custo, cheio de dores na perna e a sangrar.
O Oliver chaga ao quarto, vê a bola, agarra nela e recorda-se de todos os momentos bons e maus que partilhou com a sua querida amiga bola, lembrando-se também da vez em que ela o salvou…
Mas era tarde, tarde demais para voltar atrás… «não me arrependo do que fiz e do que vivi até aqui».
Patty: Oliver está tudo bem? Responde! Oliver! – gritava já em pleno sufoco.
O Oliver desce cuidadosamente pelas escadas, e quando chega ao pé da pequena abertura agora já mais deteriorada, a Patty fica feliz e suspira de alívio, o Oliver atira a bola para o Daichi. Quando o Oliver vai a baixar-se, um pedaço de cimento desprende-se do teto, a Patty tenta avisá-lo: Oliver cuidado! - O Oliver não se desvia a tempo e fica soterrado a sangrar da cabeça, ela corre para junto dele
Daichi e Yume: Mano!!!
Patty: Avisem os vizinhos para chamarem os bombeiros!!! Alguém nos ajude!!
De repente a casa vai abaixo por completo, ficando assim a Patty também soterrada.
O Oliver com as poucas forças que lhe restam diz: Nun-ca… te Esque-ças… Pa-tty… eu.. amo-te – pronunciou faltando-lhe a voz para completar a frase.
Patty: Oliver… - disse pronunciando já fraca, ela perdia a sua vida.
Oliver: Nunca nos havemos de separar.
Oliver e Patty: Vamos ficar juntos para sempre…

Nada iria separar o Oliver e a Patty, nem mesmo a morte… eles iriam ficar juntos para sempre.

FIM

36 comentários:

  1. Linda , que episódio triste mas bonito . é pena que a fanfiction chegou ao fim .

    ResponderEliminar
  2. até me fizeste chorar!
    tá mt lindo!

    ResponderEliminar
  3. tens toda a razão "anónimo"
    eu fazia uma "poça de água" só de chorar!
    eu fico assim nos finais tristes!
    Mas escreveste mt bem, parabens, a fanc tá mt boa e conseguiste comover os leitores!:-D

    ResponderEliminar
  4. lindo eu estou a chorar mas esta muito bonito pena qque chegou ao fim

    ResponderEliminar
  5. É tão lindo que até chorei mas eles morreram ou não

    ResponderEliminar
  6. já kando acabou na tv os minis campões deu-me uma enorme vontade de chorar, agora já somos 5 ke xoraram!
    tá mt kativante e muito bem elaborado excepto um detalhe escreveste mal isto: "O Oliver chaga ao quarto"
    tá na linha 55 ou 56 se não me engano.

    ResponderEliminar
  7. Ai esta tao linda, e daquelas que poe uma lagrima no canto do olho :')

    Eles morreram ou nao? Que idade e que eles tinham nesta fanfiction?

    E pena que tenha sido o ultimo episodio :(

    ResponderEliminar
  8. está lindo, mas muito tragico, creeedo!

    ResponderEliminar
  9. até me fizeste chorar mas tá mt fixe
    é pena que seja o ultimo

    ResponderEliminar
  10. o que aconteceu ao daichi e á yume?
    também morreram?
    ou ficaram sozinhos?

    ResponderEliminar
  11. estava bué linda...mas chorei quando comecei a ler a parte em que o oliver começa a subir as escadas e se aleija na perna e na parte em que leva com um pedaço de cimento na cabeça e começa a sangrar...e afinal o oliver e a patty morrem juntos e eram tao novos.

    ResponderEliminar
  12. se o daichi e a yume eram irmãos do oliver, quer dizer que a mãe deles já tinha morrido?

    ResponderEliminar
  13. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  14. volteime a enganar por causa das abas do firefox, o comentário tá no video da carla.

    ResponderEliminar
  15. nao se tivesses lido a fic desde o inicio terias percebido, a mae do oliver estava em viagem num cruzeiro com o pai do oliver, e entao a patty também ficou lá em casa a ajudar o oliver a tomar conta dos irmãos.

    ResponderEliminar
  16. Lisa, cala-te miuda chegas aqui não sabes nada e fazes dos outros parvos e vens para aqui dizer que n tens dinheiro? isto não é o blogue económico. daah

    ResponderEliminar
  17. por acaso também é um blog de debate e reclamações?!
    eu digo o que bem me entender á carla, ai podes ter a certeza que é a unica pessoa ke conheço daki, ao conntrario de ti ke arrebita a crsista sem saber com kem fala! LOL

    ResponderEliminar
  18. nem estou pra xatear mais a cabeça, tas a ver ó mimada, conseguiste o ke kerias, agora já podes sorrir ó fanada!

    ResponderEliminar
  19. tou de acordo, também desisto, tu nem sabes o que as miúdas mimadas me enervam, desculpa ana, mas eu não leio mais nada enkanto isto não endireitar.
    já perdeu o equilibrio

    ResponderEliminar
  20. Por favor... eu imploro-te Sara... pára com isso, como a lisa disse... isto é um blogue de debate, reclamoções, informações e de partilha, qual é o problema. toda a gente diz o que quer a quem quizer, sem tabus!
    mas Sara estás a começar a exagerar, ou páras com os comentários estúpidos ou obrigas-me a eliminar os teus comentários.

    ResponderEliminar
  21. Faz o que quiseres, não é por minha causa que isto vai começar a ir abaixo, o blogue já não é o que era.

    ResponderEliminar
  22. Sabes Sara, tu foste bue má para a Lisa, praticamente toda a gente está no lado dela..
    Antes de falares, devias primeiro pensar, não achas?!

    ResponderEliminar
  23. o blogue já nao é o que era para ti sara,pk toda gente gosta...
    escusas é de estar para ai a ofender as pessoas!
    se nao gostas mais do blogue tens bom remédio... nao o visitas mais.
    só nao vais passar é a tua vida a fazer comentários desse tipo e a ofender pessoas...

    ResponderEliminar
  24. eu sei que anda por ai muita gente que adora este site por isso se nao gostas dele nao o visites mais

    ResponderEliminar
  25. gostei muito deste fanfiction mas quase chorei tens muito jeito para inventar historias

    ResponderEliminar
  26. Há uma coisa que ainda não percebi: as fundadoras deste blogue criaram-no para partilharem histórias inventadas por elas sobre Oliver e Benji? (é fixe, ñ acho mau ... ) Ou também há uma secção com as novidades (novidades reais do Japão e assim ... )?
    (Podiam esclarecer-me :)??

    ResponderEliminar
  27. sim há... mas o problema é qu enovidades do japão há poucas... e todas as que haviam nós já as postámos...
    como por exemplo a exposição no museu de futebol do japão sobre Captain Tsubasa, e também a da nova banda desenhada Live Together 2010.

    ResponderEliminar
  28. A banda desenhada Live Together 2010 tem a história do Oliver qd é grande ou começa desde o início qd era criança ?? E já está disponível para download ??

    ResponderEliminar
  29. nao a historia é sobre o mundial 2010. e ainda não sabemos, pk o Yoichi Takahashi (criador original da série)ainda está atrabalhar na BD!

    ResponderEliminar
  30. Muito lindo! Eu não chorei, mas está muito comovente!
    Continuem a postar historias,videos e imagens!

    O Blog está optimo, continuem!

    ResponderEliminar
  31. A história é linda, tenho pena que eles tenham morrido.
    O amor deles era lindo.

    ResponderEliminar
  32. Gostei, mas axo um pouco triste, podias acabar, outra vez e polos a viver. Podia estar melhor, pois eu n gostyo de morte. Mas ate me fizeste chorar a serio. tens muito jeito.

    ResponderEliminar
  33. Hum....Têm a certeza que eles morreram? Bom, talvez sim! Bem, pelo menos nesta história. Existem 1001 histórias que podemos fazer com a Patty e o Oliver umas tristes, outras com um final feliz!! (Isto está-me a lembrar as 1001 noites)
    Já agora, Parabéns excelente enredo
    So Shakespeare. ;)

    ResponderEliminar